31/12/2009

BALANCO 2009

Ultimo dia do ano de 2009... o que será que faremos para festejar??? Duvidas no ultimo minuto!

Se eu fosse fazer um balanço de como foi 2009 eu diria que foi de muitas conquistas e situações inusitadas. Em 1/1/2009 começamos o ano em Trento cheio de inseguranças, chateações e esperanças. Inúmeras vezes tivemos vontade de jogar as malas nas costas e correr para os braços da nossa família, porque quando você mora no exterior todos os sentimentos são mais intensos, quero dizer: você fica MUITO triste, MUITO feliz, MUITO decepcionado, MUITO surpreso...TUDO AQUI è MUITO.

E quando você vive fora do seu ninho, quase ninguém dos seus queridos amigos e familiares entende o que você esta passando ou somos nós que conseguimos aumentar tudo e enxergar a vida mais complexa.

Sentimentos à parte, volto ao balanço porque daqui a uns 60 anos quero que meus filhos possam ler um pouquinho do que nós somos e éramos. Iniciamos 2009 com bastante expectativa, mas muito cansados de Trento, mais especificamente dos trentinos. Me desculpem meus amigos que moram lá e curtem as pessoas, mas particularmente em sua maioria são arrogantes.

- Esse ano recebemos visitas ilustres de nossa família: Vivi, Dan, Pai (2X), Mãe (2X), da Ana Martins, da Aline, da Moniquets, Neso, Silvana, Amanda e Thiago...
- Nos mudamos para MILAO (e começamos a entrar na moda...rs)
- Conseguimos um trabalho bacana e o Mà principalmente, a cada dia adquirindo experiência na área dele
- Conhecemos Croácia / Eslovênia / Firenze / Pisa / Principado de Mônaco / Nice (França) / Lago de Como / Monza, que somados aos lugares que conhecemos em 2008 (BARCELONA / ALEMANHA / AUSTRIA / VENEZA / VERONA / ROMA E SUICA )ultrapassa em numero tudo o que tinhamos visto em toda a nossa vida.
- Fizemos amizades com uns italianos muito bacanas entre os quais posso mencionar Aurora, Erik, Vito (esse moço tem 40 anos só convidou duas pessoas em sua vida para almoçar em sua casa, sendo uma delas o Má e comemos bem demais)
- Conhecemos um pessoalzinho da roça heheheh (GIL E SANDRA): os dois muito gente boa
- Compramos um carro
- Tivemos problemas e a saudade quase nos matou
- Tivemos vontade de voltar a pé para o Brasil e mandar toda a burocracia italiana à quello paese... mas resistimos
- Ficamos muito chateados de não poder estarmos perto de nossas famílias no momento em que eles mais precisavam e de eles não poderem estar pertos quando quem mais precisava éramos nòs....
- Começamos a aprender a lidar com as expectativas e decepções, afinal nem tudo acontece no momento que gostaríamos. Aqui isso è gritante porque tantas vezes voce se sente impotente e incapaz de fazer as coisas caminharem mais ràpido...
- O Mà começou a entender de vinho...
- Eu comecei a entender de beber vinho...
- Aprendemos a fazer pratos diferentes...
- E recebemos uma noticia inesperada e maravilhosa para finalizar o ano e nos dar mais folego para a jornada... la mamma di marcelo arriva a gennaiooooo ....eeeeeeee
- Descobrimos que a unica coisa real na vida è nossa familia e o amor que sentimos por eles. Que o fato de eles existirem e serem tao maravilhosos muda tudo e nos torna mais e mais felizes.

Para o próximo ano, o que nos espera?

11/12/2009

"La verità è che fortuna e sfortuna non contano, e non importa ciò che stai facendo: puoi cambiare completamente la tua vita con solo un pensiero, con un solo gesto d'amore" - Shantaram

Tres anos de casados (9/12/2009)

O melhor de ser casada è ter um marido maravilhoso, que te recebe em casa com um jantar especial e uma garrafa de um bom vinho, para comemorar mais um ano juntos! Melhor que ser casada è ser feliz com a pessoa que escolheu para viver o resto da vida... è se sentir completa ao lado de quem ama...é ser casada com quem ama!

Erica

20/11/2009

Alguem disse...

"A população está sempre para baixo e não quer viver mais em uma vida chata e cansativa. Todos buscam algo a mais que essa situação precária em que se encontram. A questão è que poucos têm a coragem e a possibilidade de fazerem a verdadeira mudança. Ela è muito importante e ninguém se dá conta. Nao entendem como as coisas vao mal e que devem mudar os pensamentos. Pensamento è a palavra-chave. Quem pensa o justo tem uma vida melhor. Envergonho-me desse momento que a sociedade vive. Sinto-me mal de ver como o homem consegue realmente destruir o amor e respeito, tudo, absolutamente tudo. é necessario buscarem a felicidade, serem espontâneos e principalmente, seres humanos. Isso sinceramente basta para que o mundo seja melhor!"

30/10/2009

Muco o Mucca? (vaca ou catarro)


Ola!
Hoje fui almoçar com meus amigos do trabalho, dai entao surgiu a conversa:

Eu: "Vito 2 Nicola, todos os dias o cardapio desse restaurante é pasta (macarrao)?"
Eles disseram: "sim, todos os dias!"
Respondi: "mas nao tem algum dia que se come arroz, feijao, carne, ect"
Eles: "Nao, nao tem!"
Eu falei: "Vito, no Brasil comemos macarrao somente no Domingo e durante a semana e arroz, feijao, frango ou carne!"
Comentei com ele para ele que meu nonno comia macarrao todos os dias
Vito respondeu: "entao pro seu nonno domingo era todo dia! Mas que tipo de carne voces comem? MUCCA (BOI E VACA)?
eu disse: ....ééé bovina?
Vito: si, bovina!
e passou um tempo...
voltamos ao assunto novamente, dai entao surgiu a frase...
Eu: é vero que comemos muito MUCO no Brasil!!!
Vito indignado responde: Dio Santo, porca Eva, porca putana! voces comem MUCO?
nao é possivel que voces comam MUCO!
eu disse: "é bovino!"
Vito: "Porca Madonna!, nao e MUCO é MUCCA!!!! Animale!
MUCO é CATARRO!!!!!"

dai eu, Vito e Nico fomos jogar um pimbolim e dar risadas durante todo o dia!

29/10/2009

Parole di: Shantaram

"...All'inizio, quando amiamo veramente una persona, la nostra piu grande paura è che smetta di amarci. Ciò che invece dovrebbe davvero terrorizzarci è che non smetteremo di amarla, anche quando sarà scomparsa per sempre..."

23/10/2009

Forever

O AMOR dura para sempre porque nasce em uma parte da gente que è imortal: na alma.

Amo voce meu marido maravilhoso e minha familia mais do que tudo! Isso è irreversivel!

14/10/2009

O simples fato de ...viver




Um homem precisa viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, imagens, livros ou tv. Precisa viajar por si, com seus olhos e pés, para entender o que é seu. Para um dia plantar as suas próprias árvores e dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar do calor. E o oposto. Sentir a distância e o desabrigo para estar bem sob o próprio teto. Um homem precisa viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como é ou pode ser; que nos faz professores e doutores do que não vimos, quando deveríamos ser alunos, e simplesmente ir ver".

("Mar sem fim"- Amyr Klink)


13/10/2009

Primeiro Livro Italiano


Wow, finalmente comecei a ler meu primeiro livro em italiano...demorou, mas estou lá. Tomei vergonha e deixei a preguiça de lado. A principio o texto era muito difícil, complicado, não somente pela quantidade de verbos que aparece no passado remoto (que os italianos nunca usam), mas principalmente pela linguagem um pouco diferenciada e antiquada. No entanto, aos poucos me acostumei com a maneira como o autor se expressa e me apeguei aos personagens da historia, como acontece com a boa leitura em língua portuguesa.

Ate agora consegui chegar à página 450, das 1117 que contam a historia.
Vejamos como caminharao as coisas.
---
Dia 21/04/2010

Em janeiro terminei de ler o livro.

Shantaram foi escrito pelo australiano Gregory David Roberts e conta a história de sua vida. Trata-se um filósofo, poeta e revolucionário que se entregou às drogas, ao crime e até chegou a ser preso em uma penitenciária de segurança máxima. Ao escapar do presídio se mudou para a India, onde se uniu à Máfia de Bombai e passou a ser considerado um dos homens mais procurados da Austrália.

Na India trabalhou como traficante de armas, contrabandista e falsificador de documentos. Foi preso, espancado, lutou na guerra, se apaixonou e se iludiu e principalmente, odiou e amou com todas as suas forças. Aos poucos aprendeu a língua e a cultura indiana, fez amizades e chegou a conclusão de que valeria a pena fazer tudo por elas.

O livro aborda, de maneira muito intensa, a experiência humana com relação a imensidão de sentimentos e apresenta um pouco da rotina de um país desconhecido por muitas pessoas.

12/10/2009

Começaram os dias frios




"... Um dia frio, um bom lugar para ler um livro..."

Sò de pensar que daqui em diante teremos ainda seis meses, me faz lembrar que sou muitissimo brasileira e que amo o meu Brasilzao. Saudades da nossa terra, definiçao essa que sò um brasileiro pode compreender...

02/10/2009

Mundo acabando




Pois è... muitas pessoas questionam o que esta acontecendo com o mundo, por que tantos desastres, enchentes, florestas queimadas, tempestades, tufões, tsunamis, terremotos, entre outras reações naturais.

E as pessoas continuam se fazendo essas perguntas, como se realmente não soubessem a resposta. Uma resposta obvia, nua, crua, simples e direta. O que esta acontecendo com o mundo? Diziam que o mundo acabaria no ano 2000 e não acabou, talvez não tenha dado tempo de destruímos completamente o lugar onde vivemos, em troca de lucro, de dinheiro, da concorrência e da ascensão econômica tão buscada pelas potencias, que fazem com que o ser humano seja segundo lugar e que mate tudo ao redor na busca frenética de conseguir alcançar o primeiro posto. O problema è que para serem enxergados ou terem dinheiro, os homens optam por estradas estreitas, fazendo crescer a quantidade de roubos, seqüestros, homicídios, construção de armas nucleares, capazes de destruir nações inteiras, poluição de mares, rios, ares... e tudo isso em troca de que? Se acabar a natureza e a paz entre as pessoas, não existirá mais vida! Hoje sou eu quem faz uma pergunta: será que ainda dá tempo de mudarmos essa realidade? Espero sinceramente que sim, por nossas gerações e pelas outras que ainda chegarão.

17/09/2009

Coisas de 1º ou velho mundo:

Saiu no Jornal: Tribunal espanhol decidiu que chamar o chefe de "FDP" nao pode mais ser motivo de demissao. Um juiz condenou uma empresa que demitiu um funcionàrio nesta situaçao, porque disse que chamar de "FDP" è somente uma maneira de se expressar. A empresa terà que readimiti-lo ou pagar uma multa de 6.483 euros. Ahh...se essa moda pega...

10/09/2009

Saudaçoes italianas

Nestes dois meses recebemos em casa pessoas ilustres e queridas, que nos fizeram companhia e ajudaram a nos sentirmos um pouco no Brasil: Neso e Silvana, Claire, Tolentino, Anets, Anjos e Jennifer. Tudo foi òtimo, mas para melhorar e muitoooooo, de ultima hora minha mamma resolveu fazer-nos uma visita, que embora ràpida, serà perfeita para que eu possa matar um pouquinho da imensa saudade que guardo no meu coraçao, todos os dias, de toda a nossa familia.

Quem està no Brasil muitas vezes pensa que nòs abandonamos ou deixamos de nos importar com as pessoas, infelizmente. Digo infelizmente porque estamos aqui seguindo um sonho, um objetivo pessoal e profissional e sentimos muita falta de nossas familias e amigos.

é muito bom manter contatos com voces, mesmo que por e-mail / skype / blog / orkut ou facebook, que demostram o carinho que cultivamos e os amigos que realmente temos.
beijos gigantes, Erica e Ma

30/08/2009

Os italianos conhecem o Brasil...

Marcelo no trabalho....

"conversando com o Maximo (italiano), falavamos sobre o Brasil. Perguntei se ele ja ouviu falar do nosso presidente........
ele me respondeu:
ah sim, ele è de origem japonesa!

ahahaaahaha....................., cai numa crise de riso!
imagina o Lula, cabeça de pernambucano, parecido com os japas
ai disse a ele o nome do presidente e ele caiu na gargalhada..... nossa me sembra un nome de una donna! (parece o nome de uma moça)
é fogo!!! rs

26/08/2009

Mamma arriva

Oggi ho saputo che la mamma arriverà fra pochi giorni....sono troppo contenta perchè già pensavo che non potrei vederla piu questo anno. Nel grosso stress la mamma viene a abbracciarci. Grazie mille Dio! Sono davvero felice!

26/06/2009

Bicicleta: A paixao do Europeu

Segue mais uma matèria publicada, com os olhares sob o velho mundo!
Espero que gostem.

http://www.destaquesp.com/index.php/Turismo/Especial/a-bicicleta-esta-na-moda-na-europa.html

bacio

21/06/2009

Niver da Mamma

Esse è o segundo aniversàrio que estou longe da mamma, o que me aperta o core!
Mas, mamma quero que saiba que voce nunca esta distante de verdade, porque a tenho sempre no coraçao. Te amo!
video

12/05/2009

Destaque SP

Oi pessoal,

Como alguns sabem escrevo para o Portal Destaquesp, cobrindo cultura, comportamento e novidades da Europa. Insiro abaixo alguns links:

Crise Econômica, Trabalho e estudo na Europa:http://www.destaquesp.com/index.php/Turismo/Especial/mesmo-com-crise-europa-atrai-brasileiros.html

Cidadania Italiana: http://www.destaquesp.com/index.php/Turismo/Especial/cidadania-italiana.html

Inverno Europeu: http://www.destaquesp.com/index.php/Turismo/Especial/inverno-europeu.html

10/05/2009

Dia das Maes.


O almoço dos Moreira Madeira no Japa...que vontade de estar là!


mensagem Erica para a Mamma

video
video
Mensagem Marcelo para a Mamma

18/04/2009

De malas prontas: Milao

Na pròxima semana, provavelmente dia 26 de abril, jà estaremos mudando para Milao. Aproveitamos a tranquilidade de Trento, fizemos a cidadania, meu permesso e agora iniciamos o processo da minha cidadania. Fizemos coisas que nunca tivemos a oportunidade em nossas vidas e acreditem se quiserem, conseguimos sentir FALTA da correria e loucura da cidade grande, do ritmo frenètico, do metro cheio... AFINAL SOMOS PAULISTANOS!

Nossa mudança para Milao vem para nos dar mais pique e folego e nos trazer possibilidades diversas de estudo e trabalho. Estamos virando a pàgina de Trento, cientes de que conhecemos lugares, lingua, cultura e pessoas que sem duvida nos fizeram crescer demais! Fizemos AMIGOS, alguns que jà se foram para outro pais como a Vivi (Holanda), outros que chegaram como o casal de americanos Jennifer e Jeff, e muitos outros tao queridos que permenecem por mais tempo aqui e estarao sempre em nossos coraçoes, como os Burigo, os Antiveros, os Firminos, o Zerbinatti, o gato Felix (Rubèrtoooo), Aristoteles, Mafra, Nice's family, Vecchi e nao podia me esquecer do Thiago e da Amanda, que apesar de nos conhecermos antes, posso dizer que na Europa nos transformamos em amigos e confidentes.

Aliàs, pode parecer redundante, mas vou escrever porque no dia em que eu e o Marcelo estivermos velhinhos quero me lembrar do que estamos sentindo hoje( abril de 2009):

Viver fora do seu PAIS, do seu ninho, longe da familia, amigos, cultura e de tudo aquilo que nos é comum, acessivel e confortàvel, te faz crescer absurdamente e como disse uma vez a Alberola, te faz lidar todos os dias com seus defeitos e fraquezas, assim nao tem como nao se aprender. Torna-se impossivel depois dessas experiencias continuarmos pessoas completamente intolerantes, inflexiveis e donas da razao. Bom....para virar a pagina insiro um poema do Fernando Pessoa, maravilhoso e que identifica bem o momento de hoje.

Encerrando Ciclos

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final...
Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver.
Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos. Não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.
Foi despedida do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?

Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu....
Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seus amigos, seus filhos, seus irmãos, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.

Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco.

O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.
As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora...

Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem.
Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração... e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.
Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.
Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos.

Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.

Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do "momento ideal".

Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará!

Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade.

Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante.

Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida.

Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é. Torna-te uma pessoa melhor e assegura-te de que sabes bem quem és tu próprio, antes de conheceres alguém e de esperares que ele veja quem tu és..
E lembra-te:
Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão

Fernando Pessoa

12/04/2009

Número de mortos em terremoto na Itália chega a 293

Estadao

sábado, 11 de abril de 2009, 10:48 | Online

País reduz esperança de encontrar sobreviventes nos escombros do terremoto que atingiu o centro do país

Agências internacionais

ÁQUILA - O terremoto que atingiu a região central da Itália provocou a morte de 293 pessoas, segundo dados dos grupos de busca que ainda trabalham na região. A busca por sobreviventes continua. Em um edifício de quatro andares que desmoronou, onde sinais de vida foram detectados por cachorros, os grupos de resgate continuam revirando os entulhos. Porém, a busca por sobreviventes deve terminar no domingo, uma semana depois do terremoto que destruiu cerca de 10 mil prédios e deixou perto de 40 mil pessoas desabrigadas.

08/04/2009

Aquila é vitima de terremoto que DERRUBOU A CIDADE

Numero de mortos em terremoto da Italia chega a 235. Enterros começam nesta quarta.

Folha Online

A Defesa Civil italiana informou nesta terça-feira que o número de mortos no terremoto que atingiu a parte central da Itália neste domingo chegou a 235. Ainda há pelo menos 15 pessoas desaparecidas e 1.000 estão feridas, cerca de cem delas seriamente.

--

Serissimo e muito triste. De fato nao foi a primeira vez que a regiao sofreu um terremoto em grande escala, que deixou tantos desabrigados e mortos. Para nossos amigos e familiares:

Nòs estamos distantes do desastre, a mais de 600 kms e estamos bem.

05/04/2009

Cada vez se torna mais dura a despedida...

Como alguns sabem, meu pai e meu irmao vieram para cà e ficaram alguns dias conosco, quando tivemos, sem a menor duvida, momentos maravilhosos, pudemos passear, beber (eles e nao eu), andar de bici (sò para variar), viajar, fizemos sarau, cantamos, etc, etc. Estes dias temos percebido como os momentos sao UNICOS, sejam no Brasil ou em qualquer outro lugar....sao UNICOS...
Como sempre, todas as despedidas nao sao fàceis, mas a medida que o tempo passa, se torna mais dolorido dar tchau aos nossos, e embora saibamos que jamais estamos sòs, fica em nosso coraçao a sensaçao da ausencia, a distancia em si, nua e crua...

Dessa vez, o tchau foi ainda mais dificil, sò nòs sabemos o quanto...

Obrigada (o) por voces sempre estarem presentes, se nao em presença, em forma de pensamento, em forma de torcida, de energias boas. Vcs nao sabem o quanto suas palavras de motivaçao surtem efeito na gente aqui fora. Elas soam como musica em nossos ouvidos. Familia é tudo! Obrigada!

E a primavera chegou.....FINALMENTE....

Nem acredito que as flores começaram a nascer... as janelas agora ficam mais alegres e cheias de cores. As àrvores perdem seus galhos secos e ganham o verde... a VIDA... A neve da espaço ao sol e ao calor... Os dias nao escurecem mais às 16:45, mas sim depois das 19 horas, o que parece inacreditàvel.

Os casacos pesados cedem lugar ao moleton, a toca de la da espaço ao boné, a bota impermeàvel para a sandàlia... e assim a VIDA RECOMEçA ...os bares e restaurantes começam a reabrir, os lagos a encherem, o sorriso a sair....


E A VIDA RECOMECA....


18/03/2009

Como as coisas funcionam na Italia

Ciao Amici,

Moramos num apto recem reformado há 6 meses, tudo novo! móveis, mobilia, geladeira, calefação no piso, fogão elétrico (aqueles tipo do big brother) e até forno ventilado. Demais!

Porém tivemos problemas com a parte elétrica a partir do segundo mês... aí começa o problema.... como e tudo é eletrico só é possível fazer uma coisa por vez...

Por exemplo:
se uso o forno, não posso acender as luzes
se acendo as luzes não ligo a tv
se ligo a tv não posso tomar banho!
exagerando um pouco, mas não muito...
depois de tanto tempo, o eletricista vulgo "Hellmans, a verdadeira maionese" disse que não existe problema, que nós nao sabemos usar, devemos mudar de hábitos! e sua audaciosa filha de 4 anos nos disse que não devemos acender a luz durante o dia, uma vez que existe sol.

Disse a ele que o problema teria que ser resolvido e após 4 meses ele veio solucionar! Instalou um sensor digital, que informa os Kws utilizados e quando atinge 3,1 KWs de consumo o sensor começa a apitar, tipo uma bomba relógio! Maravilha!



Outras histórias bizarras:

Nosso amigo Roberto informou ao Sr Remo (dono dos aptos) que tinha um vazamento no teto do seu apto, mais do que nunca o pró-ativo Sr Remo disse a ele, estou indo aí agora pra resolver seu problema!
Sr Remo chegou com um balde d`agua pra ele colocar debaixo na goteira! Como já dizia o Macaco Simão "É mole, é mole mas sobe!"


Nossa Amiga Rosangela tinha uma bicicleta clássica e um certo dia chegou no estacionamento das bikes e não a encontrou. Viu somente seu cadeado quebrado e perguntou ao "Helmans", filho do Sr Remo se viu sua bike...
- Herman vc viu minha bike?
- Vi sim!
- Onde está?
- Eu peguei!
- Como assim?
- Achei que não tinha dono! O pneu estava murcho!
- Mas Helmans, se a bike estava com o cadeado é porque tem dono! Você jogou fora?
- Não, guardei nas minhas coisas.
- Então, por favor me traga de volta, pois preciso dela.
- Ok, trago sim....
Quase um ano depois.... Rosangela ainda não teve de volta a sua classica bike.
Obs.: Herman gosta de bike`s clássicas!

Sou brasileiro não desisto nunca!
La vita é cosi!

By Marcelo!

09/03/2009

Despedida de Solteira da Nice

Nesse final de semana, dia 7 de março, encontramos uma galerinha muito divertida, de improviso. Estavamos dando uma volta no centro da cidade, quando os brasileiros foram aparecendo. Batemos um papo e no final fomos parar em casa. Lá.......chapamos!

No final descobrimos que nossa amiga Nice vai casar, só que ela aqui na Itália e o marido no Brasil, pois ele está passando férias! Enfim.... o casamento será lá, com uma procuração que ela passou para a sogra dela... Tenho certeza de que isso é inédito ou vc já viu acontecer antes? Massaaaaaa!!!! Só na Itália. Enfim...nossa festinha virou sua despedida de solteira que só acabou às 4h40 da manhã e resultou numa ressaca danada no dia seguinte.

Vejam o vídeo!


video

29/01/2009

Papai noel veio, mesmo sem sapatinhos na janela



Sei que este relato está atrasado, mas não poderia deixar de dividir com vocês a felicidade que sentimos no final do ano. Em 24/12/2008 o papai noel passou por aqui. Na verdade, o mês de dezembro começou inusitado, porque no dia 1 fui buscar minha mãe no aeroporto de Milão. Era inacreditável recebê-la, uma vez que meu pai havia acabado de ingressar numa empresa e não poderia viajar com ela. Imagine, minha mãe tem medo de voar e foram raríssimas as vezes em que viajou sozinha. No caminho para o aeroporto (cinco horas), meu coração quase explodiu, nem conseguia acreditar que após sete meses, 217 dias intensos, ficaria 30 dias mamando... e fiquei.

No tempo que minha mãe esteve aqui apresentamos um pouquinho da Itália (Veneza, Verona, Paganella, Trento, Milão), da Áustria e da Suíça. Apesar de uns bichinhos que ela encontrou por aqui (deixa para lá, capítulo à parte), ela viu que os trens da Itália são transitáveis e muitas vezes confortáveis (diferentes dos nossos no Brasil), ela pôde se emocionar com a neve e andar de bicicleta no frio de -2 graus (coisa que garanto, ela nunca imaginaria).

Enquanto ela esteve aqui, não fomos à escola, mas em compensação, tive a oportunidade de fazer um curso intensivo de italiano, porque ela me fazia perguntar tudo....heheheh. Curtimos os eventos pré-natalinos e presenciamos o verdadeiro clima de natal italiano. Mas, a véspera de natal chegou e não poderia ser diferente, estávamos um pouco chateados, uma vez que praticamente todos estavam no Brasil. Nossos corações estavam aqui e no Brasil ao mesmo tempo. Sem Dan, Vivi, pai, a sogrinha, Vanessa, Mi, Gá e Sandro (o cabeçudo) nos sentimos angustiados. Além disso, minha mãe estava preocupadíssima porque tinha falado com meu pai naquele dia, que contou que estaria em reunião até 20 horas. Segundo o Danilo, a Vivi havia dormido o dia todo e às 4 horas da tarde saiu para comprar o restante dos presentes, detalhe, ninguém estava fazendo nada para comemorar a data.

Enfim, preparamos a ceia e quando deu meia noite na Itália, nós brindamossss. Mas, antes de terminarmos, o interfone tocou, e num italiano um pouco ‘estranho’(rs) pediram para descermos. Como a cidade inteira estava a caminho das igrejas para assistir a missa, em plena meia noite, pensamos que era algum fiel e minha mãe disse “nem desce”. Mas ... descemos e quando chegamos não acreditamos no que nossos olhos viram. Era impossível, o Marcelo até voltou dizendo “não é possível, eles não estão lá”. Sim, o papai noel nos trouxe um presente: meu pai e minha irmã chegaram para passar o natal com a gente. Brindamos novamente! Inacreditável, nossos cérebros demoraram mais de um dia para compreender o que havia acontecido. Foi uma linda surpresa, que nos deixou muito felizes.


Infelizmente, o Dan não pôde vir, pois havia shows para fazer no Brasil. A Elizete, a Van, a Mi, o Gá e o cabeça também não estavam presentes em corpo, mas todos estiveram aqui de outras formas. Comemoramos juntos, por telefone, skype e webcam o restante do natal. Só temos a agradecer a meu pai e a Vivi, porque esse momento é um dos que ficarão para a história, daqueles que contaremos para os netos. Não poderíamos deixar de registrá-lo.

25/01/2009

Histórias para contar


Esta semana conversei com minha bisavó, que hoje tem 90 anos, e fiquei imaginando quanta alegria, insegurança, tristeza e história existe por trás de seus olhos azuis e de sua pele hoje toda enrugada. Então me dei conta que daqui alguns anos também envelheceremos, nossa pele ficará enrugada, teremos nossos filhos, netos, bisnetos e muitas, muitas histórias para contar. Cheguei à conclusão de que a gente passa a maior parte de nossa vida planejando e imaginando o futuro.

Nós planejamos o estudo, o trabalho, a profissão, o casamento, os filhos, as viagens, os happy-hours, as aventuras, os encontros e os reencontros, mas quando o futuro chega, já estamos idealizando o futuro novamente e nem nos damos conta de que o tempo passa numa velocidade absurda. Os anos voam e a vida te cobra cada vez mais responsabilidade e maturidade, o que leva a continuar planejando intensamente. E essa rotina frenética de sempre ter que se planejar faz com que esqueçamos que somente o hoje é real, que o amanhã é incerto, que temos que começar a sentir cada momento, todo o instante, a demonstrar carinho, a aproveitar de verdade as nossas conquistas, que afinal foram tão planejadas.

Sinceramente, tenho a impressão de que essa procura incessante pelo amanhã é uma forma que o ser humano busca para se proteger do medo de se frustrar, mas ao mesmo tempo, quando concretiza seus sonhos não os valoriza ao máximo. Quem nunca passou a noite numa praia deserta esperando o dia amanhecer? Quem nunca se sentou sozinho na areia da praia simplesmente para sentir o mar, para se sentir? Quem nunca decidiu uma viagem de uma hora para outra, sem pensar nas conseqüências? Quem nunca se entregou ao amor, só por amar ou embarcou em uma aventura, por embarcar? Quem nunca saiu sem direção e resolveu o que fazer na hora que teve vontade? Quem nunca provou acampar, beber até cair, gargalhar e não só sorrir?

Nós decidimos mudar tudo, recomeçar, aprender línguas, culturas e humildade. Nós optamos primeiro por viver aquilo que acreditávamos ser o certo, deixando um pouco de lado tudo o que a nossa sociedade sempre mostrou ser o correto, deixar a profissão adormecida por uns tempos, as marcas nas lojas, a correria do dia-a-dia e as aparências de lado. Decidimos tudo isso e acredite, o que realmente nos faz falta são vocês: nossos familiares e amigos, que representam nossa história, os momentos que vivemos sem planejar, que simplesmente vivemos.

Hoje, queremos fechar nossos olhos e amar, sonhar, viajar, mas acima de tudo, queremos viver e sentir cada instante, ouvir cada música e a cada dia mais nos apaixonar mais pela vida, porque sabemos que são esses os momentos que escreverão nossa história.