29/04/2010

Dia do Trabalho

Você sabia que no Dia Internacional do Trabalho algumas cidades da Itália reduzem o horário de funcionamento dos meios de transporte (metro, ônibus, trem, tram, etc). Sim, com certeza por ser feriado haverá redução tambem do número de pessoas em serviço e quem depende de transporte público deverá se programar, afinal todos são trabalhadores, certo?

No dia 1 de maio os transportes funcionarão das 7 às 19h30 máximo. Não me lembro se em São Paulo existe essa limitação de horário, existe?

Para quem mora em Milão e quer saber mais sobre os horários, acesse o site: www.atm-mi.it ou ligue para 800.80.81.81

28/04/2010

O Má já antecipou um pouquinho a novidade no post anterior.

Meu pai veio nos visitar muito de passagem, pois tem umas reuniões na Alemanha, pela empresa para a qual trabalha e por isso conseguiu negociar alguns dias aqui na Itália. Ficamos muito felizes com sua presença porque já não nos viamos há um ano. Sempre tentamos matar as saudades pelos meios possíveis como Skype, MSN, Chat Yahoo, Chat facebook, etc.

Mas a verdade é que apesar de não conseguirmos viver sem a tecnologia, temos a certeza que que ela nunca conseguirá substituir as relações inter-pessoais. A chegada do meu pai, além de matar um pouco a saudade veio, como sempre, acompanhada dos sábios conselhos e das palavras que sempre te jogam para frente. Acho que família é exatamente isso. É união, é partilha de alegrias e tristezas, é a responsabilide do auxilio por simples prazer, é o conseguir matar as saudades com apenas uma palavra. Na minha concepção, familia é fundamental para que exista a felicidade completa das pessoas. Só tenho a agradecer a Deus por isso e a meu pai por pegar uns dias de seu trabalho para ver a gente, ainda que representasse mais custos e muito cansaço. Para estar com a gente ele deixa de trabalhar durante o dia e começa a jornada de lavoro depois da meia noite, quando vamos dormir. Fica trabalhando até umas 4 da manhã e acorda cedo no dia seguinte, aproveita para passear e depois da meia noite recomeça a trabalhar.

Dessa maneira ele consegue aproveitar o tempo para estar com a gente. Fala sério? Tem coisas que somente pai e mãe fazem por você. Hoje e amanhã ele estará em uma reunião na Alemanha e voltará às 23 horas de quinta-feira para a Itália.

Enquanto isso vamos aproveitar o tempo que tivermos e discutir sobre a vida e filosofia.

26/04/2010

Recordar é viver

Esse final de semana estava batendo um papo com meu sogro Vicenzo e minha bella ragazza lembrando dos bons e nao tao bons tempos que vivemos em Trento. Dai entao lembrei do meu primeiro trabalho na Italia, resolvi escrever para que nao fique no esquecimento de nossas memorias....
Hotel Trento, trabalhei por um mes e acho q definitivamente nao servi para aquele trabalho...
Meu capo era Equatoriana e era simplesmente un Diavolo pra voceis terem ideia ela colocou eu para trabalhar 1 hora no dia de ano novo. lazarenta!
Rodrigo brasileiro gente boa que me indicou e tomamos varias birras em casa!
Harrison Nigeriano to pra ve um cara mais feliz, ele me dizia assim: Marcello trabalha piano, piano... sem presa, tranquilo... quando a chefe estiver por perto voce faz que trabalha!
Mustafa Egipcio, trabalhava sempre veloce, falava pouco e era muito gente boa
Abdel Mussumano na minha segunda semana de trabalho, cheguei no vestiario e ele estava descalco, ajoelhado sobre um tapete, rezando... levei um susto e pensei "A casa caiu ele o cara e terrorista e vai puxar a cordinha" ele fazia isso todo determinado horario do dia, isso quando nao parecia a Equatoriana pegava ele pelo braco de dizia: Abdel para de rezar e vai trabalhar!

E o outro marroquino que nao me lembro o nome (ja ficou no esquecimento) perguntava a ele: o que vc faz no final de semana? Me drogo a noite toda (raxixi)! nao tem o que fazer nessa cidade!
Se bem que a parte de nao ter o que fazer naquela cidade ele tem razao!

23/04/2010

Palazzo Marino

Eu estava me esquecendo de inserir uma dica de local bacana para se visitar em Milão. O Palazzo Marino realiza frequentemente mostras interessantissimas e gratuitas sobre as obras de Leonardo Da Vinci. É preciso ficar atento à programação, porque os eventos nem sempre são muito divulgados pelo Comune e mesmo assim as filas são bem longas.

Participamos de duas exposições ali: uma que apresentava as idéias e inovações de Da Vinci e outra que trazia sua obra original San Giovanni Battista. Ambas foram gratuitas e disponibilizaram uma visita guiada que conseguiram mostrar a genialidade do artista. San Giovanni Battista, uma das obras prediletas de Da Vinci veio para Milão após setenta anos diretamente, uma vez que seu posto fixo é no museu do Louvre. Aqui ficou de 27 de novembro de 2009 a 27 de dezembro de 2010. Gostei muito da Obra!


Para quem tem interesse de fazer um passeio e checar a programação atual o endereço do Palazzo Marino é Piazza Scala, 2, Milano.
Site: http://www.comune.milano.it/dseserver/palazzomarino/index.html

22/04/2010

Semana da Cultura - Eventos gratuitos até domingo (25 de abril)

De 16 a 25 de abril, a Itália realiza a Semana da Cultura, onde é possível participar de diversos eventos culturais gratuitamente em toda a Itália. O Ministério de Bens e Atividades Culturais abrirá todos os lugares estatais de arte como museus, monumentos, áreas arqueológicas, arquivos e bibliotecas em todo o território nacional.



Segue abaixo um elenco de locais estatais de toda Lombardia e de Roma:

Serviço Lombardia

Anfiteatro Romano
Via De Amicis, 23 - Via Arena - Milano (MI)
Tel:. 0289400555

Basilica Romana
Piazza Labus, 3 - Brescia (BS)
Tel:. 0302896511

Cappella Espiatória
Via Matteo da Campione, 7/a - Monza (MB)
Tel:. 039380772

Castello Scaligero
Piazza Castello - Sirmione (BS)
Tel:. 030916468
E-mail:. roccascaligera@live.it

Cenacolo Vinciano (agendar visita antes)
Piazza S. Maria delle Grazie, 2 - Milano (MI)
Tel:.0289421146
E-mail:. info@mimu.it

Convento
Convento e Chiesa dell'Annunciata - Abbiategrasso (MI)
Tel:. 0294692301
E-mail:. llpp@comune.abbiategrasso.mi.it

Fornaci Romane
Località Fornaci dei Gorghi - Lonato (BS)
Tel:. 030916157 - 0309143547

Grotte di Catullo e Museo Archeologico
Piazzale Orti Manara, 4 - Sirmione (BS)
Tel:.030916157

Museo Archeologico Nazionale
Piazza Castello - Mantova (MN)
Tel:.0376320003

Museo Archeologico Nazionale della Lomellina
Castello Sforzesco di Vigevano - Piazza Ducale, Vigevano (PV)
Tel:. 0289400555

Museo di Palazzo Ducale
Piazza Sardello, 40 - Mantova (MN)
Tel:. 0376352111

Museo Nazionale della Valcamonica
Via Roma, 15 - Cividate Camuno (BS)
Tel:.03643444301

Palazzo Besta
Via Besta, 1 - Teglio (SO)
Tel:.0342781208

Parco Archeologico
Via Castelvecchio, 58 - Castelseprio (VA)
Tel:.0331820438

Pinacoteca di Brera
Via Brera, 28 - Milano (MI)
Tel:.02722631
E-mail:. brera.artimi@arti.beniculturali.it

Santuario di Minerva
Località Spinera - Breno (BS)
Tel:. 0364/344301
E-mail:. sba-lom@beniculturali.it

Villa Romana ed Antiquarium
Via Crocefisso,22 - Desenzano del Garda
Tel:. 0309143547

Villa Tardoromana
Via Luoghi Vecchi - Palazzo Pignano (CR)
Tel:. 0289400555

Serviço Roma

Abbazia Greca di San Nilo
Corso del Popolo, 128 - Grottaferrata (RM)
Tel:. 069459309
E-mail:. segretaria@abbaziagrecca.it

Anfiteatro Flavio (Coliseu)
Piazza del Colosseu, 1 - Roma (RM)
Tel:. 067740091
E-mail:. ssba-mr@beniculturali.it

Basilica dei SS Nereo e Achilleo
Vialle delle Therme di Caracalla - Roma (RM)
Tel:.0668803257

Basilica di San Cesario D'Appia
Via di Porta S. Sebastiano - Roma (RM)
Tel:. 0658230140

Comprensorio Archeologico di Santa Croce in Gerusalemme
Piazza Santa Croce in Gerusalemme - Roma (RM)
Tel:.067070221

Domus Aurea
Viale Domus Aurea, 1 (Parco del Colle Oppio) - Roma (RM)
Tel:. 0639967700

Foro Romano
Largo Salara Vecchia e Via di San Gregorio, 30 - Roma (RM)
Tel:.06699841

Mausoleo di Cecilia Metella e Castrum Caetani
Via Appia Antica, 161 - Roma (RM)
Tel:. 067844271

Monastero di San Benedetto Sacro Speco
- Subiaco (RM)
Tel:.
077485039

Monastero di Santa Scolastica
Via dei Monasteri, 22 - Subiaco (RM)
Tel:. 077485525
E-mail
:. benedettini@farma-it.com

Museo nazionale Cerite
Piazza S. Maria - Cerveteri (RM)
Tel:.
069941354

Museo nazionale archeologico
Largo Cavour, 1 - Civitavecchia (RM)
Tel:.
076623604

Museo Nazionale di Castel Sant’Angelo
Lungotevere Castello, 50 - Roma (RM)
Tel:.
066819111
E-mail
: sspsae-rm.santangelo@beniculturali.it

Museo nazionale etrusco di Villa Giulia
Piazzale di Villa Giulia, 9 - Roma (RM)
Tel:.
063226571-3201951
E-mail
: villagiulia@arti.beniculturali.it

Museo nazionale romano delle Terme di Diocleziano
Via Enrico de Nicola, 79 - Roma (RM)
Tel:.
06477881
E-mail
:. ssba-rm@beniculturali.it

Museo nazionale romano di Palazzo Altemps
Via Sant’ Apollinare, 46 - Roma (RM)
Tel:.
06684851
E-mail
:. ssba-rm@beniculturali.it

Pantheon - Chiesa di S.Maria ad Martires
Piazza della Rotonda - Roma (RM)
Tel:. 0668300230
E-mail:. sbap-rm@beniculturali.it e sbap-rm.pantheon@beniculturali.it

Santuario Ercole Vincitore
Via degli Orti - Tivoli (RM)
Tel:.07743303229

Terme di Caracalla
Via delle Terme di Caracalla, 52 - Roma (RM)
Tel:.065717451

Villa Adriana
Via di Villa Adriana, 21 - Tivoli (RM)
Tel:.
0774530203
E-mail:. hadriansvilla@libero.it

Villa di Orazio
Via Licentina - Licenza (RM)
Tel:.
077446031

Villa d’Este
Piazza Trento, 1 - Tivoli (RM)
Tel:.
0774312070
E-mail:. villadestetivoli@tiscalinet.it

Para conhecer a relação de museus estatais de outras regiões da Itália, acesse o site: http://www.emouseion.beniculturali.it/emouseion/

21/04/2010

Será uma bomba?

foto La Repubblica (27 nov 2009)
Ontem às 8 horas da manhã, quando estávamos saindo para trabalhar, ao abrir o portão principal, encontramos a rua onde moramos completamente interditada e com policiais para todos os lados. A cena era de filme, um ônibus atravessado na rua e os passageiros fora. Tudo estava parado, com exceção aos policiais que corriam de um lado para o outro, tentando afastar a população daquilo que teria sido uma bomba.

Essa foi a terceira vez que alguém querendo intimidar as pessoas colocou em frente ao Banco Barclays, que fica do lado de casa, um objeto com fios que se pareciam com uma bomba. Com certeza por isso algum pedestre avisou a policia que soou o alarme antiterrorismo. A última vez que isso aconteceu foi em 27 de novembro do ano passado.

Viver na Europa tem dessas. Os moradores e a segurança pública estão sempre preocupados com a possibilidade de um atentado terrorista.

20/04/2010

Sciopero

Em poucas palavras, a tradução literal e precisa é: GREVE. E como os Europeus compreendem seu significado. Só em Milão, ao menos uma vez por mês existe uma greve dos meios de transporte.Trens, metropolitanas, onibus e até mesmo aeroportos chegam muitas vezes a parar. No entanto, as greves da Itália apresentam uma diferença com relação as feitas no Brasil. Aqui os setores comunicam com antecedencia que farão a greve. Os jornais, as TVs, os funcionários, os sites, as propagandas dentro das linhas metropolitanas anunciam a cada cinco minutos, de maneira que a população possa se programar para se VIRAR NOS TRINTA.

Mas não é somente a área de transportes que adere. Este mês o setor de vigilância de Milão fará sua segunda greve, para reivindicar seus direitos, uma vez que estão querendo cortar o vale refeição, o bônus, fazerem os trabalhadores pagarem pelos próprios uniformes e pela renovação do porte de armas. Logo pagarão também para trabalhar. Dia 3 de maio os funcionários participarão de uma outra.

Em busca de direitos e igualdade, os imigrantes e diversos italianos também aderiram a uma greve no dia 1º de março deste ano. O Sciopero degli Stranieri pôde também ser notado em países como a França, que usou o lema "Journee sans immigres, 24h sans nous", ou seja "Dia sem imigrantes, 24h sem a gente". Na Itália, a idéia era lutar contra o racismo que alguns sustentam contra os estrangeiros em geral e mostrar que se os quatro milhões e meio de imigrantes que vivem por aqui decidissem simplesmente cruzar os braços por um dia, a Itália praticamente pararia.

Pois é, acreditem ou nao, hoje (20/04/2010), ao abrir o site de um dos jornais italianos mais importantes encontrei a seguinte frase: "Il sito oggi non verrà aggiornato per lo sciopero dei giornalisti del Corriere della Sera", o que significa que hoje o portal do Corriere della Sera não foi atualizado porque os jornalistas também entraram em greve. Para justicar essa situação, o jornal inseriu um link que apresenta a motivação da greve (http://www.corriere.it/cronache/10_aprile_19/cdr-comunicato_bf1afb32-4bfd-11df-b8c5-00144f02aabe.shtml). Além do site não ter sido atualizado, na quarta-feira os leitores não poderão lê-lo porque simplesmente suas páginas não foram escritas. A Assembléia da redaçao aprovou essa medida drástica juntamente a seis dias de greve, porque considera que existem sérios problemas de relacionamento com a direção do jornal. Entre os inúmeros problemas enfrentados, essa semana o diretor do jornal substituiu um dos chefes de redação por uma pessoa de fora do jornal, uma admissão completamente proibida por lei em situaçoes de crise do mercado editorial, a não ser em casos de necessidade extrema. O diretor anunciou também o uso de novas plataformas de distribuiçao de informação (iPad, iPhone, Smartphone), que no entanto expanderiam informações que chegariam de fora e não passariam pela aprovação dos jornalistas.

Se essas greves resolverão algo eu sinceramente nao sei, porque cada vez mais o capitalismo selvagem e os proprietários mantem um único interesse, o de desfrutar das pessoas, mas aqueles que fazem greve, ao menos estão se mexendo e pensando em mudar alguma coisa.

Acho que muitos cidadãos nos dias de hoje aprenderam a se CONFORMAR com as situações, com o aumento nas taxas de gás, luz, água, lixo, telefone, carro, entre outras. Passaram a achar muito dificil correr atrás de seus direitos, porque conhecem o tamanho da burocracia que existe por trás de tudo. Passaram a desacreditar da politica e o pior ,a não lutar por seus direitos. Onde estão os Gilberto's Gil, os Caetano's Veloso's e o restante de jovens que nos duros anos que o Brasil passou, estiveram sempre em pé buscando dias melhores. Que geração é essa que estamos criando, ou melhor, em que geração estamos nos transformando? Não existem mais Leonardo's Da Vinci, Einstein's, Michelangelo's... não existem mais! Condordo que parece que quase tudo já foi construido e que aparentemente sobrou pouca coisa para fazer, mas com certeza essa é uma idéia surperficial da realidade. Ainda que pareça impossível, nós devemos procurar criar alguma coisa, usar a criatividade e a inteligencia para simplesmente não passarmos batidos como estamos fazendo.

19/04/2010

Milao respirando glamour

A capital da moda e do design encerra hoje o Salao Internacional do Movel. Entre os dias 14 e 19 de abril, a feira apresentou as tendencias do design de interiores e foi acompanhada por atividades e exposiçoes que se espalharam pelas ruas de Milao. Profissionais e amantes do mundo inteiro respiraram os 150 mil metros quadrados de inovaçao e criatividade. Na cidade sò se falava sobre as peças e os conceitos trazidos para e 29ª ediçao internacional, que abordou entre outras coisas, a importancia do design ecologico e da funcionalidade dos espaços.

Pena que nao conseguimos nos programar para ir. Quando eu trabalha na assessoria de imprensa do Senac Sao Paulo acabei divulgando diversos eventos de design, entre eles, o Casa Cor e Design Essencial, que levava para Sao Paulo as tendencias apresentadas por aqui. A verdade é que mesmo falando com experts da àrea, sò estando no lugar para perceber como as pessoas se envolvem com o clima do evento. Nao podemos faltar no pròximo ano.

16/04/2010


Erica's book montage



O GUARANI

AS FILHAS DA PRINCESA

O Cortiço

Shantaram

In Cold Blood

The Other Side of Midnight

Rage of Angels

A Ditadura Envergonhada

Travessuras Da Menina Má

Blindness

The Lost Symbol

Anjos e Demônios - A Primeira Aventura de Robert Langdon

A Menina que Roubava Livros

Feliz Ano Velho

Senhora

Dom Casmurro

A Thousand Splendid Suns

One Hundred Years of Solitude



Erica's favorite books »

15/04/2010

Lista de Pròximos livros

Leitura Predileta:

A Ditadura Envergonhada (Elio Gaspari)
A Ira dos Anjos (Sidney Sheldon)
O Outro Lado da Meia-Noite (Sidney Sheldon)
Cem anos de Solidão (Gabriel Garcia Marques)
Travessuras de um Menina Má (Mário Vargas Llosa)
Ensaio sobre a Cegueira (Saramago)
O Caçador de Pipas (Khaled Hosseini)
A Cidade do Sol (Khaled Hosseini)
A Sangue Frio (Capote)
Anjos e Demônios (Dan Brown)
Shantaram (Gregory David Roberts)
O Cortiço (Aluizio Azevedo)
Dom Casmurro (Machado de Assis)
As Filhas da Princesa (Jean P. Sasson)
O simbolo perdido (Dan Brown)
A menina que roubava livros (Markus Zusak)

Pròximas Leituras:

I Tre Inverni della Paura (Gianpaolo Pansa)
A Cabana (Michael W. Smith)
O Diario de Anne Frank (Alves Calado, Anne Frank, Otto H. Frank)
Morro dos Ventos Uivantes (Emily Bronte)
A Ditadura Escancarada (Elio Gaspari)
A chave de Michelangelo (Amorin, S.U.)
A Sombra do Vento (Carlos Ruiz Zafón)
Os Ditadores (Richard Overy)
Agua Viva (Clarice Lispector)
A Hora da Estrela (Clarice Lispector)
Uma Aprendizagem (Clarice Lispector)
Livro dos Prazeres (Clarice Lispector)
Eu sou o ultimo judeu (Chil Rajchman)
O Solista (Steve Lopez)*****
Antes de Morrer(Jenny Downham)*****
O Castelo de Vidro (Jeannette Walls)***

14/04/2010

A Menina que Roubava Livros

Na semana retrasada terminei de ler A Menina que Roubava Livros, do autor australiano Markus Zusak. Nao sei o motivo, mas as històrias sobre guerras e ditaduras sempre me atrairam muito. Quando eu era criança sempre sonhava que chegava em um cemitério de avioes das duas grande guerras mundiais.

Depois comecei a estudar jornalismo e passei a ter vontade de cobrir guerras. Lembro que quando eu era adolescente guardava todos os recortes de jornais que abordavam guerras. Cheguei a ter uma coleçao que joguei fora somente quando vim para a Italia. A questao é que para mim aquele ambiente sempre pareceu muito familliar, ainda que eu nao tivesse vivenciado nenhum tipo de guerra a nao ser aquela entre as quadrilhas, os assaltantes e os politicos do nosso Brasil.

Voltando ao livro, a història è ambientada na Alemanha de Hitler e é contada pela Morte, de maneira muito sincera e direta, sem rodeios, sem choro e sem vela. Ao mesmo tempo que mostra, de modo até poético, um pouco do que foi aquele periodo tràgico, A Menina que Roubava Livros consegue entreter o leitor do inicio ao fim, enfatizando o valor da amizade, da familia e dos elos que criamos no decorrer de nossas vidas.

O autor se apega ao drama de uma suposta familia alema, contando sua rotina, suas inseguranças, dificuldades e alegrias. Amei ter conseguido entrar no contexto do livro. Cheguei até a sentir o gelo do inverno russo e alemao, a sentir o cheiro do porao em que vivia um judeu, amigo da personagem principal (Lisel). Consegui caminhar junto aos judeus pelas ruas da Alemanha e mais do que isso, o livro me fez sentir exatamente o sabor, o cheiro e a força que uma palavra exerce sobre as pessoas.

Frases do livro:
“Os humanos me assombram”, dizia a morte.
“Palavras, as odeio e as amo, só espero tê-las usado direito” dizia a menina.

Veja também o filme que estreou recentemente (2014)



Sensacional!

11/04/2010

Dias mais quentes

Ontem (10 de abril) foi o primeiro dia desde o meio de setembro, que conseguimos sair na rua sem blusa, meia calça e calça. Simplesmente agora começamos a nos organizar para voltar a ter uma vida normal, passear sem carregar tres quilos a mais de roupa.

Que delicia é a sensaçao de colocar um tenis com uma meia fina, baby look e uma calça esportiva. Que maravilha é poder sentar e observar a vida, as idas e vindas, ouvir os pàssaros, ver as janelas das casas abertas. Me sinto aquela pessoa que ve o mar pela primeira vez. A Europa tem dessas coisas, renasce do nada e quando voce nao aguenta mais o frio, faz nascer no jardim de sua casa flores de todas as cores (brancas, roxas, rosas, amarelas). E quando voce nao suporta mais andar com tanta roupa e ficar fechado entre quatro paredes para suportar o frio, te faz sorrir com a chegada de um lindo sol de primavera.

Ontem finalmente guardamos todas as roupas pesadas de inverno e fomos passear de bicicleta, por enquanto fizemos um giro ràpido, mas devagar chegaremos là. Agora FRIO, somente daqui a seis meses. Ao menos por um tempo, ADEUS INVERNO E NEVE!

E viva a natureza!

08/04/2010

Sorrindo sempre

Nao adianta me dizerem que a palavra FELICIDADE tem origem latina, porque nem os livros me convencem. Na minha opiniao, a FELICIDADE é sem duvida alguma oriunda do nosso grande Brasil ...

Digo isso por diversas razoes. Hoje, morando fora e presenciando pouca desigualdade social, convivo com pessoas que tem maior poder de compra e uma vida tranquila, mas que em inumeras ocasioes nao demonstram uma alegria completamente espontanea.

Jà no Brasil, com tantos problemas, tanta diferença social, violencia e falta de infraestrutura, o povo è naturalmente FELIZ. Depois me perguntam o real significado de SAUDADE e eu nao consigo explicar. Està ai uma maneira de explicar que SAUDADE faz parte de um contexto, nao é sentir saudade de uma coisa, mas sim de um conjunto de coisas. Eles (cidadaos nao brasileiros), por exemplo, acham que churrasco é comer carne e que sentimos falta somente do nosso tipo de carne. Dificil mesmo é explicar que nao sao somente a carne, o arroz, a farofa e o vinagrete que nos fazem falta, mas sim tudo isto reunido com a cervejinha, a caipirinha, os amigos, a familia, a musica, o quintal, a bagunça, as risadas altas, o bate-papo, o sol e o calor. Para mim, o churrasco é muito mais do que a carne, é um costume e quase um ritual.

Um dias desses contei à um querido amigo italiano que estava com muita vontade de comer feijoada. Ele viu a foto do prato com os acompanhamentos e disse "ah, mas feijoada é sò feijao com carne". Nao, nao é sò feijao com carne. Feijoada è muito mais do que isso, é o clima, é o bate-papo, as risadas, a musica, o calor e o comer até cansar.

Novamente...Feijoada è um costume e quase um ritual. Isso tambem pode ser chamado de saudade.

Para ser sincera o que hoje me estimulou a escrever foi um pequeno video publicado no jornal italiano La Repubblica(http://tv.repubblica.it/copertina/diluvio-su-rio-de-janeiro/45102?video) sobre a tragédia no Rio de Janeiro. Apesar de me cortar o coraçao de ver toda a situaçao de nosso povo, toda a dificuldade, tanta gente desabrigada, tanta tristeza provocada por esses desastres naturais e a falta de infraestrutura do Brasil, senti orgulho do nosso povo nos primeiros intantes do video. Na hora me lembrei de como somos acolhedores e de como sempre buscamos uma razao para reforçar aquela frase "sou brasileiro e nao desisto nunca". O video traz pessoas que sorriem e brincam, no meio do imenso e desolador caos que se aloja neste momento no Rio de Janeiro. Sou ciente de todos os problemas do Brasil , mas sinto saudades sim dessa maneira brasileira de ser. Para mim é diferencial!