16/07/2010

Como economizar nas viagens ao exterior

Como economizar nas viagens ao exterior


Muito boa a matéria!

Eu acrescentaria duas dicas:

1. Para quem quer economizar dinheiro e tempo em viagens pela Europa, a escolha da companhia aérea é imprescindível. Aqui existem várias empresas Low Cost, no entanto os melhores preços são da Ryanair e EasyJet. A Ryanair, à primeira vista sempre parecerá mais conveniente do ponto de vista financeiro, no entanto atenção: na maioria dos casos os voos (partida e chegada) são fora da cidade, o que implicará em gastar tempo e dinheiro, que muitas vezes é curto. Neste caso, pesquise bem a localização dos aeroportos e o valor de transporte para chegar ao real destino.

2. Se você optar por adquirir um bilhete aéreo da Ryanair, use o cartão pré-pago Mastercard e não precisará pagar a taxa administrativa. Se quiser comprar com o cartão de crédito, fique atento porque a taxa de 10 euros vale para bilhetes individuais, ou seja, se você comprar para duas pessoas na mesma operação, pagará 20 euros só de taxa.

Caso opte pela EasyJet, use o Visa Electron, pois não pagará as taxas administrativas. No caso de usar o cartão de crédito, se você comprar duas passagens na mesma operação, pagará somente uma tarifa administrativa.

PS: Na maioria das vezes esses cartões pré-pagos (pelo menos os feitos na Europa) custam pouquissimo ou são gratuitos. No nosso pagamos 1 euro ao mês pela manutenção.

Planeje-se bem e viajará mais vezes!
Ciao.

5 comentários:

Lili Detoni disse...

Ciao, bellissimaaaaa!!!! Passei pra deixar um bjito e dizer que estou sentindo saudade, viu? Tenha um ótimo domingo de verão!!!! Bacio!!!!!

Rodrigo disse...

Muito boa mesmo a reportagem e gostei das dicas de voces...
Como sempre parabéns!

Viagem Afora disse...

Muito bom !!! As vezes damos umas escorregadas...Mas essa é a nossa linha, viagens "Low Cost"!! Bjs

Lucy Leite disse...

Totalmente de acordo! Tenho só que acrescentar uma coisa: essas empresas restringem o tamanho da mala despachada e também o tamanho da mala de mão. Na EasyJet, por exemplo, você não pode entrar com uma bolsa e uma mala de mão, tem que colocar a bolsa dentro da mala, que, por sua vez, é medida antes de você embarcar. Os viajantes que não travel light, melhor não usar essa opção. A EasyJet cobra EUR20, acho, por mala que você despacha, aliás!

Outra coisa: a RyanAir OBRIGA você fazer o checkin online. Senão fizer, parece que toma multa! Eu sempre fiz, então não sei se a multa é real ou não.

Outra: sempre vá com o estômago abastecido, porque o que eles oferecem dentro dos aviões é caríssimo. Se você consegue uma passagem baratérrima, como a que consegui para Londres uma vez, ida e volta 40 euros, um sandubinha mediocre pode sair 5 euros, ou seja, mais de 10% do valor da passagem!!!

Bom post! Essas coisas são importantes!

Erica Ritacco disse...

Bem lembrado Lucy,

A Ryanair mudou um pouco a maneira de trabalhar. Antes você poderia viajar com uma mochila de mao e uma bolsa ou uma maquina fotográfica, por exemplo. Em janeiro por exemplo fomos à Inglaterra carregando mochila e bolsa. Agora que fomos à Paris, no momento da compra da passagem tivemos que aceitar um termo que dizia que bolsas que nao estivessem dentro da mochila teriam que pagar a taxa extra. No aeroporto eu vi gente tendo que se virar para colocar dentro, sem chegar no peso.

Sobre o check-in online, é preciso sempre fazê-lo e em seguida imprimir o cartão de imbarque. Isso pode ser feito em cinco minutos pela internet (a partir de quinze dias antes da viagem até quatro horas antes). A taxa para quem não apresenta o cartão on-line é de 40 euros.

Outra coisa muito importante, quem não é cidadão europeu, muitas vezes deve se apresentar no balcão de imigração da Ryanair para a checagem dos documentos de viagem e em seguida ir à imigração.