06/02/2012

A incompetência tolerada

Hoje chamamos a assistência técnica porque o servidor da empresa estava desligando e consequentemente os computadores também. Quando o técnico chegou, explicamos o que houve e ele nos disse para retirarmos as tomadas da corrente elétrica, pois com certeza seria um problema de sobrecarga. Informamos que não era possível, pois sempre funcionou bem e já que não ligamos nada de anormal na tomada, a conclusão dele não fazia sentido. Ele respondeu: "bem, se a chave do servidor desativar, desliga a máquina de água, se ainda assim desativar, desliga a máquina de café e o microondas". Só faltou dizer que se ainda assim 'caisse' deveríamos desligar o computador, que o problema estaria resolvido. 

Não sei se eu tive sorte de trabalhar com gente competente em minha vida ou se realmente a incompetência por aqui é que é gritante. O pior é que mais do que gritante, ela parece ser normal e aceita pela sociedade. Ficamos tão boquiabertos que não tivemos reação a não ser chamar o eletricista, que nos comunicou que estava tudo normal. Ele mencionou algo incrível: algum equipamento eletrônico estava consumindo muita energia, mas que não teria como procurar o problema. Bem, se ele não podia procurar o problema, imagine a gente. Moral da história, NADA RESOLVIDO!

Abaixo insiro um pequeno episódio do programa italiano chamado I Soliti Idioti (transmitido na MTV) que representa um bom exemplo do atendimento e serviços oferecidos na Itália. É lógico que estou generalizando e que toda a generalização é burra, mas acho que vou correr o risco de emburrecer.  Segue o vídeo, engraçado mas real:




Nenhum comentário: