02/04/2015

Ultima Consulta e Maternidade

Dia (31/03) tivemos "em teoria" a última consulta antes do parto. Esta consulta, diferente das anteriores, ocorreu no hospital onde o Matteo nascerá. O ginecologista do hospital analisou todos os exames que foram realizados durante a gestação e preparou uma cartela clinica, que será utilizada no dia do parto. 

Foi feita a analise do liquido amniotico e a ecografia, ambos mostraram que o Matteo está em perfeitas condições, embora não demonstre sinal de que queria sair tão cedo. O médico disse que não existe dilatação e que ele já esta na posição. 

Conseguimos vê-lo movendo a boquinha, como se estivesse saboreando/bebendo algo. Pudemos ver o rostinho dele de perfil. Simplesmente lindo!

O que deu para vermos com melhor nitidez, que impressionou mais uma médica foi o tamanho do 'pintinho' do molequinho. A médica disse "esse é sem dúvida nenhuma um menino". Marcelo do lado sorria felizzzzz.....kkkk

Caso o Matteo não chegue até dia 06/04, teremos uma nova consulta no dia 07/04. 

Matteo nascerá na maternidade Vittore Buzzi (em Milão), especializada em ginecologia e pediatria. O lugar é uma gracinha. Na Itália funciona da seguinte forma: praticamente ninguém tem convênio médico, porque o sistema sanitário funciona muito bem. Todas as minhas amigas italianas tiveram seus partos em hospitais/maternidade públicos, com assistência parecida com a de particular. 

Como mencionei em postagens anteriores, para fazer exames paga-se um valor insignificante (ex. sangue dos mais diversos €4,00, ecografias dependendo da semana de gravidez não custam nada € 0,00). Caso a gravida se sinta mal e precise ser atendida, tem prioridade total e não paga consulta. Em toda a gravidez me senti mal três vezes e fui atendida imediatamente. Os médicos fizeram todos os exames que pode-se imaginar, além de terem ficado meia hora me monitorando e ouvindo o coraçaozinho do Matteo. Só me liberaram quando tiveram a certeza de que não era nada demais. O custo dessas idas ao pronto socorro? Zero (€ 0,00). 

O mesmo acontecerá no parto. Tinhamos dúvida entre dois hospitais: Mangiagalli e Buzzi. Passei semanas pesquisando sobre ambos, mas o nível deles era muito parecido. Acabamos optando pelo Buzzi porque é referência em Milão há mais de cem anos, segundo lugar em partos em Milão, responsável pelo nascimento de mais de 3.500 bebês por ano. 

O hospital possui 173 quartos para internação e tem toda a experiência ginecologica e pediatrica necessárias. Para se ter uma idéia, as salas de parto são individuais, têm banheiro com chuveiro para ajudar as mães em trabalho de parto, local dentro do banheiro para que o pai possa auxiliar a esposa, cadeiras e bancos para ambos e defende que a mulher deve ficar na posição que preferir e que sentir menos dor, não somente deitada na cama horizontal. O pai participa juntamente com as obstetras do parto, pode ficar o dia todo no hospital para ajudar a mãe, enfim digamos que o tratamento é de hospital particular. Vejam as fotos do lugar.

Como não consegui agendar o curso pré-parto em tempo, acabamos participando de encontros com os médicos (anestesista, obstetra, enfermeira, especialista em amamentação, neonatologo, psicologo, sexologo) dentro do próprio hospital. Tudo gratuito. Eles foram excelentes e demonstraram o amor e a seriedade com a qual atuam.  

Logicamente, um bom parto não depende somente de detalhes desse tipo, mas com certeza te trazem mais segurança para enfrentar uma experiência tão inédita e cheia de emoções contrastantes. 






3 comentários:

Anônimo disse...

Que ótimo, ver que você está bem amparada, segura e confiante neste momento tão delicado e tão especial.
Desejo que você seja bem feliz e que o Matteo venha com muita saúde para trazer mais alegria à nossa família.
Que Deus te acompanhe em todos os momentos te dando muita paz e tranquilidade. Bjs prima, te amamos muito!

Lucilia Monteiro disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
ERICA RITACCO disse...

Oi prima, fui cancelar a mensagem em duplicidade e acabei cancelando a msg errada (aquela com seu nome e nao o anonimo).

Muito obrigada pela mensagem.

Sei que teremos muitas emoçoes em breve.

beijos