04/09/2021

Segundo acampamento com Federico

Como comentei no post anterior, resolvemos aproveitar os ultimos dias na praia antes do nascimento do pequeno, pois sabemos o quanto é complicado e cansativo o inicio. De um dia para o outro arrumamos as malas e procuramos um lugar para ficar. Neste periodo é impossivel encontrar hoteis, bungalows, chales ou estruturas similes a um custo razoavel, por isso decidimos levar a barraca e procurar disponibilidade em campings. 

Encontramos um camping muito comodo em frente a praia, de maneira que nao precisavamos ficar pegando carro toda hora para passear. O camping era bem pequeno, nao era como aqueles que estamos acostumados a ir, no entanto tinha tudo o que precisavamos: energia eletrica, estacionamento, banheiro, etc.

Levamos nosso fogaozinho, geladeira, mesas e cadeiras e passamos otimos momentos. Eu fiquei como rainha, sò sendo bem tratada, ja que Marcelo estava preocupado que eu nao fizesse nenhum tipo de esforço para nao acelerar a chegada do moleque. Entao, foi realmente tudo delicioso. 



Quem me via com aquele barrigao ficava preocupado. Ah, eu também estava um pouco apreensiva pois Federico poderia decidir chegar antes da hora e estariamos a tres horas e meia de casa. Neste caso teriamos que mudar os planos. De qualquer modo o médico disse que eu poderia viajar e isto me tranquilizou. 

A Barriga:

O barrigao chegou a um tamanho tao chocante, que muitas pessoas na praia, na rua, no camping me paravam para perguntar quando nasceria o bebe. Quem nao me perguntava, olhava com aquela cara de assustado, nos achando irresponsaveis. Mas estava tudo sobre controle. O maximo que aconteceria é termos que mudar os planos e ir para outro hospital. 


Nenhum comentário: